quinta-feira, 2 de abril de 2009

Dois por um.


Em uma tarde de outono, descobrir: Sei reconhecer as mudanças em mim, as cores que abandonei, a maquiagem que troquei, os valores que resolvi reafirmar, os armários que esvaziei, os sentimentos que determinei, mudei de posição, a luz que passou a andar lado a lado comigo neste ano que anunciou, a determinação, a confiança em mim.

Todas essas transformações reconheço, eu permiti, mas agradeço a uma pessoa que com dedicação zelou por tudo isso e conseguiu- talvez sem pretensões, que eu começasse a me dá banhos de reconhecimento.

Ao ter fé em mim, fez que renascesse o melhor de mim. O melhor tava escondido dentro de uma mochila pesada de dor. Ao acreditar que eu era melhor, me tornou nisso. Me fez enfrentar minhas guerras pessoais, afirmar quem sou. Me promoveu a liberdade. A fidelidade que eu projetava, pôde ser colocada em prática, a nudez dos sentimentos finalmente fazem parte de minha vida e sei que estou exatamente onde queria estar. Hoje posso sentir que tudo pulsa em perfeita ordem, que olho pra mim e sei no que me transformei...

Em alguém que se enxerga melhor, que hoje busca o melhor, que sabe que merece o melhor.

.

.


Um brinde à mim e ao ser lenitivo que me deu o impulso.

11 comentários:

Daniel Abreu disse...

Enfim, a verdade.
Estar feliz com você, te faz mais feliz comigo.

Beijo tchuca!

Day Pinheiro disse...

E a essência permanece, certo!?

Autores de nossas mudanças, doces eles...

O beijo, querida!

Lara disse...

Agente as vezes precisa que alguém de fora, nos ajude a entender o que se passa aqui dentro...

.Intense. disse...

Lembra qdo eu disse q vc pulsava amor? Pois é. É essa essência sua, hoje, que transborda, e a gente vê.



[lindo o coments dele ali em cima...]

manzas disse...

O sol rasga os panos do horizonte
Em pacífico brilho de sua magnitude…
Cadenciado ondular que em mar bronze,
Excelsa beleza no marulhar da virtude!

A rocha na ânsia do dia, bebe sedenta do mar,
Firmada num profundo e desigual chão azul …
Cristalizadas águas reflectem o planar,
Das majestosas e imperais… gaivotas do sul!

Gostava que comigo
Desse asas á sua imaginação,
No… “Portal da rocha… penedo do guincho!”

Um bom fim-de-semana,
Com muita inspiração
E na mente… um sorriso!

O eterno abraço…

-MANZAS-

Y a s h a disse...

"Moça, que vive e acredita, que sonha e chora, que ri e consola. Eu vou buscar a sua essência, na vida, na arte, na canção, na estrela que brilha em seu olhar..."

Estava escutando essa música ontem, e lembrei de você, e olha que veio no texto certo. ;*

Jéssica disse...

O que importa é mudar sem modificar o que há de melhor em você. Ou se mudar, mude para melhor =DD
;**

[ rod ] disse...

Quando a gente aprende a se conhecer a ver os defeitos e virtudes como parte do todo... só assim seremo inteiros... frente a qualquer um.

Bjs moça,






Novo dogMa:
boeMia...


dogMas...
dos atos, fatos e mitos...

http://do-gmas.blogspot.com/

molin' disse...

feliz quem te faz feliz.
lindos textos
beeijos

Clecia disse...

Olá! Quanto tempo!Tudo bem? Adorei este texto. Tem muito a ver comigo. Tenha uma ótima páscoa1 Bjos!

Caféína disse...

tão bom mudar, principalmnte qd é pra melhor!